Lx Factory muda de mãos. Discreta família Arié está no grupo comprador

Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante. Depois de em 2017 ter deixado de pertencer à Mainside, de José Queirós Carvalho, que vendeu ao francês grupo Keys, a Lx Factory volta a mudar de mãos. Segundo foi anunciado, o espaço em Alcântara, em Lisboa, foi comprado por uma joint venture entre o Grupo Arié e o Europi Property Group, numa operação de investimento gerida pela Bedrock Capital.O valor do negócio não foi revelado.Em comunicado é garantido que ‘a Arié, a Europi e a Bedrock pretendem manter a identidade e património cultural únicos do Lx Factory, o qual continuará a destinar-se a escritórios, retalho e restauração, bem como a manutenção do seu look & feel industrial’.